domingo, 5 de fevereiro de 2017

LEITURAS DO MÊS: Janeiro 2017


Olá. Eu estava muito ansiosa para fazer essa postagem, pois janeiro foi um mês repleto de leituras maravilhosas. O primeiro mês de 2017 passou bem devagar, e o meu ritmo de leitura foi muito bom, o que me surpreendeu e me deixou muito feliz.

Com exceção de Dama da Meia-Noite (que comecei a ler no finzinho de 2016), escolhi livros com menos de 300 páginas, e que de alguma forma eu senti que seriam histórias fluidas, que eu não iria querer largar. Assim, eu li um atrás do outro, recuperando o fôlego às vezes apenas por algumas horas. E amei muito isso.

Lá no finalzinho de janeiro, quando eu pensava que não daria mais tempo, peguei um livro com mais de 400 páginas, e me conformei que iria ler alguns capítulos para ele ser minha primeira leitura de fevereiro. Mas então o livro ficou tão bom, mas tão bom, que me vi terminando ele dia 1º de fevereiro, e o colocando como minha 7ª leitura do mês de janeiro. 

Dessas 7 leituras que eu fiz, só não favoritei uma, e resenhei três. Então sem mais enrolação, confiram minha opinião sobre as leituras de janeiro 2017:


DAMA DA MEIA-NOITE | Cassandra Clare | Os Artifícios das Trevas #1 | Galera Record | Nota 5/5 + 

Dama da Meia-Noite se passa cinco anos após a Guerra Maligna, e conta a história de Emma Carstairs e os Blackthorn. Emma quer vingar a morte dos pais, e agora, com o aparecimento de corpos de fadas e humanos com as mesmas marcas que viu em seus pais, tudo pode, enfim, ser explicado, mas não sem sofrimento, dor, segredos e algumas surpresas.

Esse livro foi muito, muito bom. Eu amo o universo dos Caçadores de Sombras. Amei os novos personagens, a interação entre eles, os diálogos, o ritmo lento, o humor leve, o romance e tudo que foi revelado sobre parabatai.


BOA NOITE | Pam Gonçalves | Galera Record | Nota 5/5 + 

Boa Noite conta sobre Alina, que quer deixar para trás a sempre boa filha e boa aluna que foi, agora que está entrando em uma universidade. Lá ela conhece pessoas e fica sabendo de boatos sobre abusos que acontecem em festas. Tudo isso pode mudar alguns pensamentos que Alina tinha, e ela vai precisar provar que é capaz.

Boa Noite foi um livro maravilhoso, que me divertiu e emocionou. A escrita da Pam é simples e ela foi construindo de maneira incrível toda a trama. Amei a Alina e o pessoal da república, amei a forma como a Pam foi abordando os assuntos mais sérios, amei o romance e amei a mensagem final. Como eu escrevi na resenha, Boa Noite é um livro necessário.


A MENINA DOS OLHOS MOLHADOS | Marina Carvalho | Globo Alt | Nota 5/5 + 

A menina dos olhos molhados conta sobre Bernardo, um jornalista talentoso que odeia trabalhar em equipe, e que agora precisa trabalhar ao lado de Rafaela, a nova estagiária. No começo a relação dos dois é complicada, pois Bernardo é grosseiro com Rafa e os dois vivem brigando. Mas aos poucos algo novo e confuso vai surgindo.

A escrita da Marina Carvalho está uma delícia nesse livro. Adorei conhecer mais do Bê, saber seu passado, seus pensamentos, seu olhar sobre a Rafa. Foi divertido ler pela perspectiva do jornalista.


GEORGE | Alex Gino | Galera Júnior | Nota 5/5 + 

Se você olhar para George, pode pensar que está vendo um menino. Mas não. George sabe que é menina e guarda esse segredo sentindo medo, mas também muita certeza de quem é. Quando a professora anuncia que a turma irá encenar "A menina e o porquinho", George e sua melhor amiga Kelly elaboram um plano para que George seja Charlotte, a aranha sábia e gentil. Ela quer muito fazer esse papel, mas a professora diz ser impossível pois ela é um menino.

George foi um livro extremamente fofo e tocante. Apesar de abordar a transexualidade de uma forma mais superficial, por ser contado em terceira pessoa por uma criança que tem essa certeza e esse desejo de ser outra pessoa, eu encontrei, conforme lia o livro, uma profundidade enorme. A história até pode ser previsível, mas me surpreendeu de um jeito lindo. Eu amei George e sua amiga Kelly, elas foram sensacionais. A escrita é de uma fluidez incrível, e pelo livro ter um pouco mais de 140 páginas, acabei lendo ele em 11 horas e amando tudo. Recomendo para as todas idades.


ESSA LUZ TÃO BRILHANTE | Estelle Laure | Arqueiro | Nota 5/5 + 

Essa Luz Tão Brilhante conta sobre Lucille, uma garota de 17 anos que precisa cuidar de sua irmã, encontrar um emprego e fingir que está tudo bem, depois que sua mãe não voltou de uma viagem. Ao mesmo tempo que ela tem a amizade e ajuda de Eden, ela está apaixonada por Digby, o irmão gêmeo de sua amiga que está comprometido. 

Quando eu li o primeiro capítulo do livro, já percebi o sarcasmo da protagonista e a fluidez da escrita da autora. Até dei algumas gargalhadas. Mas então fiquei um tanto incomodada com o fato de Lucille ser tão derretida assim pelo Digby. E também não estava achando o enredo tão empolgante.

Porém, em algum momento, uma reviravolta aconteceu dentro de mim e eu comecei a gostar da história, comecei a gostar de estar ali com Lucille, Wren, Eden, Digby e os outros personagens. Comecei a gostar do romance, que ganhou um novo olhar meu. Comecei a me importar. Não sei explicar, mas quando vi estava muito envolvida, e não tendo nenhuma ideia de como tudo terminaria. Quando enfim terminei o livro, que fala sobre esperança, amizade, amor (entre amigas, entre irmãs, entre dois jovens), duas lágrimas rolaram pelo meu rosto. Eu nem acreditei que estava chorando quando li as duas últimas linhas do livro. Eu chorei de felicidade, e foi nesse momento que eu decidi favoritar o livro. O final foi perfeito, e eu até podia querer mais páginas, mas foi tudo perfeito.

A autora vai lançar um livro que será contado pela Eden, a melhor amiga da Lucille, e eu fiquei bem animada com isso.


EM BUSCA DE CINDERELA | Colleen Hoover | Hopeless #2.5 | Galera Record | Nota 4.5/5

Em busca de Cinderela, um conto da série Hopeless, conta sobre Daniel, que um ano atrás passou por uma experiência única com uma garota que ele apelidou de Cinderela, dentro de um armário de vassouras no colégio. Agora, quando Daniel conhece Six, ele sente uma forte sintonia entre eles, mas nem tudo é perfeito, e uma revelação pode quebrar o encanto.

Eu comecei amando o que estava lendo. Gostei muito de rever Sky e Holder, gostei dos diálogos, da ligação entre Daniel e Six, de como tudo foi acontecendo, sendo fofo e intenso. Mas estava tudo muito bonito, muito tranquilo. Então veio a bomba. Meu Deus, apesar de ter gostado muito da história, achei aquilo muito bizarro. Mesmo tendo começado a leitura sabendo de uma certa informação, acredito que não foi isso que me desanimou, pois estava gostando muito da experiência da leitura. Eu só achei a reviravolta muito bizarra, mas mesmo assim gostei muito de Daniel e Six.


FIQUEI COM O SEU NÚMERO | Sophie Kinsella | Record | Nota 5/5 + 

Fiquei com o seu número conta sobre Poppy, que acabou de perder o anel de noivado caríssimo e um momento depois seu celular é roubado. Mas então ela encontra um celular na lata de lixo, e se agarra a ele como uma esperança para receber notícias de seu anel perdido. Mas o celular tem dono, e é Sam Roxton, um executivo que não gostou muito da ideia de compartilhar suas mensagens de trabalho e pessoais com uma desconhecida. Porém, com o tempo, Poppy e Sam começam a se aproximar e muitas surpresas podem acontecer.

Preciso dizer o quanto eu amei esse livro. Amei a escrita simples, envolvente e rápida. Amei muito a Poppy, pois apesar de seus erros, ela é uma pessoa maravilhosa, divertida e inteligente. Amei Sam.

O livro não é nada previsível, e têm muitas e muitas surpresas. Fiquei muito envolvida com tudo e não conseguia parar de ler. A história é divertidíssima, a escrita é uma delícia, o romance é demais, e o mais legal, é que eu não fiquei esperando por ele, pois aproveitei todas as tretas que aconteciam e o quão importante foi o papel da Poppy. Gostei muito do modo como as coisas foram acontecendo entre ela e Sam, as brigas, os momentos descontraídos e fofos. Eu amei muito o livro e recomendo de olhos fechados, pois pode parecer um simples e divertido Chick Lit, mas eu encontrei algo muito maior.

Abraços e até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário