sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Livro: Simplesmente Acontece - Cecelia Ahern


Título original: Where rainbows end
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Páginas: 448
Ano: 2014
Nota: 5/5 + 

"Você é jovem, Rosie, e eu sei que você odeia com todas as forças ouvir isso, mas é a verdade. O que parece trágico agora não terá a menor importância daqui a alguns anos. Você só tem 17 anos. Você e Alex têm o resto de suas vidas para passar o tempo juntos. Além do mais, irmãos de alma sempre acabam juntos. (...). Ex-namoradas são facilmente esquecidas. Melhores amigos ficam para sempre."

Sinopse (Novo Conceito)Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. 

Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails, mensagens de texto, cartas, cartões-postais... Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.


"(...) A vida é dura, mas e daí? É difícil pra todo mundo, não é? Quem disser que é fácil está mentindo." (página 54)



QUERIDO LEITOR,

Simplesmente Acontece é um livro maravilhoso. Conta aquele tipo de história que quando você chega nos últimos capítulos não quer terminar de ler, mas precisa saber o que vai acontecer no epílogo. E que epílogo lindo...

Rosie e Alex são melhores amigos desde pequenos. São inseparáveis. Os anos passam, e quando Alex se muda para os Estados Unidos com sua família, tudo muda. A vida dos dois toma rumos diferentes, mas eles sempre tentam fazer contato, seja por e-mails ou cartões de natal e aniversário. Com o destino sempre aprontando pra eles, Rosie e Alex terão encontros, desencontros e muitas histórias pra contar.

"Acordo de manhã e sinto como se estivesse faltando algo. Sei que tem alguma coisa errada e demoro um pouco para me lembrar do que se trata... E aí eu lembro. Meu melhor amigo se foi. Meu único amigo. Como fui estúpida por confiar tanto em uma única pessoa. Agora tudo está se voltando contra mim." (página 32)

Por meio de cartas, e-mails, mensagens e cartões, Rosie Dunne nos conta sua história. E ela tem muita coisa pra contar, pois o livro é sua vida inteira. 446 páginas de histórias, momentos felizes, tristes, comoventes, românticos, e muito, muito divertidos. O humor de Rosie e Alex é superlegal. Eu amei os dois desde o começo e torci muito por eles. Nunca tinha torcido tanto assim por protagonistas. Eles são carismáticos, e suas personalidades são incríveis. 



Mas o livro também mostra um pouco de vários outros personagens. E todos foram ótimos. Alguns eu queria estrangular, outros, especialmente a família da Rosie, eu queria abraçar. São personagens muito bem construídos e muito cativantes. Eles aparecem e ficam, aparecem e se vão, e tem aqueles que desde a primeira linha você quer que tenham um final feliz.

Eu fiquei sorrindo por capítulos inteiros, pois me diverti muito com as cartas e e-mails. Mas também me senti triste pelos personagens em certos momentos. Às vezes me sentia bastante frustada. Meu Deus, as chances de Rosie e Alex ficarem juntos sempre apareciam, mas então a vida acontecia, e tudo mudava.

"(...) Sabe, vocês dois têm a pior sincronia do mundo! Quando é que vão aprender a caminhar no mesmo passo?" (página 129)

Fiquei muito surpresa quando lia que os personagens já estavam com certa idade. Tudo passa muito rápido. É uma verdadeira jornada. Uma linda jornada.



O livro com certeza passa várias mensagens bacanas. Sim, a história mexeu um pouquinho comigo. Devemos agarrar as oportunidades, dar valor a nossa família, manter contato com nossos amigos de escola, pois há muitos meios de comunicação hoje em dia.

Eu, sinceramente, acho que o título do livro não combina tanto assim com a história. Ok, as coisas simplesmente acontecem na trama, mas sei lá... acho que esse título é bastante clichê e poderia se encaixar com várias outras histórias. Eu adoraria ter lido Onde terminam os arco-íris, ou até mesmo Love, Rosie.

Rosie e Alex são tão humanos, tão verdadeiros e reais. A história dos dois é linda, diferente, e em momento algum, por contar a vida, a rotina de Rosie, a leitura ficou chata. 

"(...) Engraçado, porque, quando a gente é criança, acredita que pode ser tudo o que quiser, ir para onde se tem vontade. Não há limites. Você espera o inesperado, acredita em mágica. Aí você cresce e a inocência acaba. A realidade da vida mostra a sua cara e você se sente golpeada quando constata que não pode ser tudo o que quer e que só precisa se conformar com um pouco menos do que aquilo que havia imaginado.
Por que deixamos de acreditar em nós mesmos? Por que permitimos que os acontecimentos ou os números ou qualquer outra coisa além dos nossos sonhos governem a nossa vida?" (páginas 183 e 184)

Um dos meus medos foi que a leitura ficasse cansativa, por ser em cartas e e-mails, e ter muitos De, Para, De Para. Muito pelo contrário. Foi uma leitura muito, muito prazerosa. A escrita da Cecelia é leve e envolvente. Foi meu primeiro livro da autora e uma ótima experiência.



Valeu a pena ter esperado por Simplesmente Acontece. Eu estava superanimada quando finalmente pude começar a ler o livro, e na verdade nem estava acreditando que tinha o livro nas mãos.

Foi um dos melhores livros da minha vida. Foi um livro que me fez ter pequenos ataques de felicidade nos últimos capítulos.

Recomendo muito Simplesmente Acontece, que conta uma história bonita e divertida de um jeito diferente. Leiam, leiam, leiam!

"Hoje eu amo você mais do que nunca; amanhã, vou amá-la ainda mais. Eu preciso de você mais do que nunca; eu quero você mais do que nunca. (...)" (página 444)

Com muito amor, 
Alice

PS: a capa desse livro não é linda? Gosto muito dela. E o cheiro dele também é muito bom... A adaptação do livro, que no Brasil também se chama Simplesmente Acontece, tem os atores Lily Collins como Rosie Dunne e Sam Claflin como Alex Stewart. O filme estreia no Brasil dia 5 de março de 2015 e clicando aqui você assiste ao trailer legendado. Mas aviso que possui spoiler! Estou muito ansiosa para assistir!

2 comentários:

  1. perfeito!!
    melhor que Um amor para recordar!
    Amei..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é incrível, não é? Também amo. Abraços!

      Excluir